Astrologia , Simbolos Sabeus e Cinema

O potencial dos Símbolos Sabeus

12-13º Virgem e o filme Invasões Barbaras

Resultado de imagem para filme Invasoes Barbaras

No filme   franco-canadense “Invasões Bárbaras”, dirigido pelo Canceriano Denys Arcand (76), temos a dramatização da história de uma família e amigos frente à morte, tendo por pano de fundo a Eutanásia: “ato de proporcionar morte sem sofrimento a um doente atingido por doença incurável que produz dores intoleráveis. ”

Trata-se de um filmes que compõe a  trilogia  que evidencia as contradições da civilização moderna , junto com Declínio do Império Americano (1986)  e A Era da Inocência (2007) .

Remy (= o remador) é o pai , professor de história, insensato, fanfarão,  em estado terminal e Sébastien ( = venerável, reverenciável) é o filho , matemático,  homem de negócios de sucesso que procura proporcionar ao pai um final de vida melhor, com menos sofrimento. Ambos em fase de reaproximação, momento alquímico proporcionado pela morte iminente. 

Porém não  se entendem: Sébastien, ressentido, não entende porque seu pai abandonou a família e  não quer cuidar de si mesmo. Remy, por sua vez,  não compreende como o filho se mostra tão forte  e responsável “full time”  

A química e a experiência de morte na relação  permite que Sebastian perceba que pode brincar mais e que a vida pode ser mais prazerosa e Remy , a importância de uma boa educação e inclusão  do planejamento na vida.

Fiz correlação desta história com a dinâmica existente entre os símbolos dos signos mutáveis, 13º graus especificamente. 

  • 13º de Virgem – Uma mão forte vencendo um estado de histeria política – A jornada de Sébastien inicia quando sua mãe o chama para ajudá-la a administrar o caos devido à internação e grave estado de saúde de seu pai. Sébastien parte de Londres para Montreal.
  • 13º de Sagitário – O passado de uma viúva é esclarecido; – Sébastien/Nathalie (=nascimento) caracerizam-se como  guias de Rémy  no mundo subterrâneo do passado para que possa retornar à luz da vida (sentido mais ampliado do termo). Nathalie conhece o inferno dos vícios e suas profundezas. Agora me diz, quem não é viciado neste filme?
  • 13º de Peixes – Uma espada num museu – momento de se separar de um passado considerado grandioso. Diálogo entre Rémy e Nathálie sobre o medo da morte:  “Não é sua vida atual que você não quer perder, mas a passada. E esta você já perdeu”
  • 13º de Gêmeos – Um pianista famoso junto ao seu piano – Sébastien termina a jornada, como um artista juntando suas experiências pessoais à sua técnica. Inicia-se um processo de deixar de ser um homem forte e responsável ‘full time’ para ser um homem mais instintivo, que ouve e responde às necessidades emocionais.  

O filme sugere várias interpretações. Esta é apenas uma delas. Gostaria de conhecer a sua. Bora?

Categorias:Denys Arcand, Virgem, Yessod

Tags:, , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s